A Blizzard nomeou ex- Call of Duty gerente geral Johanna Faries como sua nova presidente.

O executivo ingressou na Activision como chefe de Call of Duty esports em outubro de 2018, antes de ser nomeado GM da franquia de tiro de grande sucesso em abril de 2021.

Seu novo papel, que a substituirá pelo chefe do estúdio Mike Ybarra, foi confirmado em um memorando enviado à equipe na segunda-feira.

“Activision, Blizzard e King são empresas decididamente diferentes, com jogos, culturas e comunidades distintas”, disse ela.

“É importante ressaltar que Call of Duty a maneira como a Blizzard acorda de manhã para entregar aos jogadores pode muitas vezes ser diferente dos jogos impressionantes do reino da Blizzard: cada um com diferentes experiências de jogo, comunidades que os cercam e modelos de sucesso necessários.

“Discuti isso com a equipe de liderança da Blizzard e estou assumindo esta função com sensibilidade a essas dinâmicas e profundo respeito pela Blizzard, à medida que começamos a explorar a possibilidade de levar nossos universos a alturas ainda mais altas.

“Estou empenhado em fazer tudo o que puder para ajudar a Blizzard a prosperar, com cuidado e consideração por você e pelos nossos jogos, cada um único e especial por direito próprio”, continuou Faries.

“Estou otimista quanto à nossa capacidade de servir nossas comunidades de jogadores atuais e futuras e de ampliar ainda mais a paixão compartilhada pela grandeza, polimento e domínio criativo que é uma marca registrada da abordagem da Blizzard à criação de jogos.”

Na semana passada, a Microsoft anunciou planos de demitir 1.900 funcionários em todo o mundo. Xbox, Bethesda e Activision Blizzard.

Junto com a notícia, foi confirmado que o presidente Ybarra e o diretor de design Allen Adham deixariam a Blizzard, e que o jogo de sobrevivência sem título do estúdio, anunciado em janeiro de 2022, não estava mais em desenvolvimento.

Siga-nos no Google News para receber as últimas notícias!